Monumento ao Grande Incêndio de Londres

Estou de volta, meu povo! Andei meio enrolada com trabalhos e provas do MBA e acabei abandonando o blog mais uma vez. Mas tudo bem, o pior já passou e eu cá estou de volta para falar sobre uma atração pouco conhecida, o Monumento ao Grande Incêndio de Londres.

Monumento ao Grande Incêndio de Londres

Monumento ao Grande Incêndio de Londres(Foto do Wikimedia)

 

Comentário fora do assunto

Mas antes de começar, vou falar rapidinho sobre uma prova do MBA que me tirou o sono. Quem leu no meu Twitter, ontem, ficou sabendo que eu fiz uma prova de ‘Gerenciamento de Análise Financeira’ (exatamente, eca!). Pois é, apesar de não ser muito a minha praia, fui relativamente bem (eu acho), afinal dei uma estudada bacana e sabia o conteúdo razoavelmente. Mas, como eu gosto de viver um drama, acabei vacilando em uma questão. Tipo, não errei tudo na tal questão, aliás, acho que até comecei a muito bem. Expliquei, justifiquei e estava tudo muito lindo até eu começar a demonstrar a parte numérica da coisa. Resumindo, o que aconteceu foi que na explicação eu disse tudo certinho, mas no cálculo, eu troquei as bolas, fiquei zarolha, sei lá, só sei que comecei com um número errado e aí já Elvis! Só na saída da sala, ouvindo os comentários sobre a prova, foi que eu me dei conta que tinha vacilado. Ai, que raiva! Não que eu vá me ferrar totalmente, mas sabe aquela sensação ruim de quando você sabia o que tinha que ter feito e acabou fazendo errado por uma distração? Grrrr... odeio quando eu faço isso! 

Enfim... mas Karine, qual a relação desse fato como post de hoje? Calma! Eu sei que lamentar meu erro não era pra ser não é o tema desse post, mas é eu estava tão chateada com o ocorrido que resolvi esfriar a cabeça com uma caminhada pelos arredores da minha escola que é em London Bridge (área cheia de pontos turisticos super bacanas).

Monumento ao Grande Incêndio

Atracões nos arredores de London Bridge

E foi nessa minha bateção de perna que eu acabei me dando conta de que logo ali, pertinho de mim ficava mais uma atração londrina que, muitas vezes, é ignorada pelos visitantes: o The Monument to the Great Fire of London (ou simplesmente The Monument). O Monumento ao Grande Incêndio de Londres nada mais é do que um monumento ao grande incêndio que consumiu boa parte da cidade de Londres em 1666.

Monumento ao Grande Incêndio de Londres

Plataforma no topo do The Monument

Monumento ao Grande Incêndio de Londres

Imagens esculpidas na base do monumento

Com 61.5 m de altura, a torre do Monumento ao Grande Incêndio de Londres está localizada a exatos 61.5 metros de distância do local onde o incêndio começou, e fica bem no cruzamento das ruas Monument Street e Fish Street Hill, super perto da London Bridge (logo após cruzar a ponte, fica numa rua a direita a poucos metros). O marco foi projetado pelo mesmo arquiteto da Catedral de St. Paul, Sir Christopher Wren, e sua construção durou seis anos, entre 1671 e 1677.

Dentro da torre, uma escadaria de 311 degraus dá acesso a uma plataforma de onde visitantes podem ter uma visão privilegiada de Londres. É bem verdade que a vista lá do alto é relativamente limitada, se comparada a do opulente vizinho, o The Shard e seus 309.6 metros, mas ainda assim, acredito que dá pra ter uma boa visão da cidade (CONFIRA A VISTA DO THE MONUMENT AQUI) e a um preço bem mais camarada que os £25,95 ou £30,95 do The Shard

Monumento ao Grande Incêndio de Londres

Valores

  • Adultos £4
  • Crianças £2
  • Também pode comprar ingresso combinado com a Tower Bridge por £10,50 adulto e £4,70 criança.

Horário de funcionamento

O The Monument funciona diariamente a partir das 9:30, com uma pequena diferença no horário de encerramento entre o verão e o inverno.

  • Verão (Abril – Setembro) das 9:30 as 18:00, com última entrada as 17:30.
  • Inverno (Outubro – Março) das 9:30 as 17:30, com última entrada as 17:00

2 comments

  1. Paula 9 July, 2013 at 07:17 Reply

    Karine, as vezes a gente passa por um lugar todo dia e “se acostuma” e nem pára mais pra olhar ou visitar, vou tentar ir qualquer dia q passe por lá

    bjos

Leave a reply

Translate »