Passeio pelo palácio de Buckingham

O Palácio de Buckingham vem sendo utilizado como residência oficial da realeza da Grã-Bretanha desde 1837, sendo, sem dúvidas, um dos pontos turísticos mais badalados de Londres. Com 775 quartos, hoje, o palácio de Buckingham também abriga a sede administrativa da monarquia britânica e é palco de inúmeros eventos reais que recebem cerca de 50 mil convidados todo ano! Sua estrutura grandiosa conta com 108 metros de comprimento de frente, 120 metros de profundidade e 24 metros de altura, o que, na minha opinião, não faz dele um dos mais imponente palácio do mundo. 

Palácio de Buckingham

Palácio de Buckingham

Porém, não se pode negar que o prédio impressiona bastante e prova disso é que continua atraindo milhares de turistas ao longo dos anos. E é por conta de tanta popularidade que, anualmente, a realeza permite acesso a parte interna no palácio. 

Palácio de Buckingham por dentro

Infelizmente, não dá pra visitar todos os 775 quartos que compõem o palácio, apenas 19 state rooms (onde a rainha recebe convidados), o salão de festas e o jardim são abertos ao público. Mas não desanime, garanto que já vale a pena, pois temos acesso a bastante coisa. Outro ponto chato é que só dá pra visitar o interior do palácio durante o verão, que é quando a rainha faz sua visita oficial ao castelo de Balmoral – a casa de férias da família real, na Escócia. A turma aproveita que a toda poderosa vai descansar lá pelas bandas da Escócia e, só então, libera a entrada da galera.

Palácio de Buckingham

Detalhes do portão do Palácio de Buckingham

Com o acesso liberado por tempo limitado, a procura é bem grande mas, apesar de tudo, pelo o que eu percebi no dia que fui, conseguir ingressos não chega a ser uma missão impossível, pois vi muita gente comprando na hora na maior tranquilidade.

Diferentemente do tour guiado pelo Parlamento, no qual grupos de 15-20 pessoas seguem um guia, no passeio pelo palácio de Buckingham todos ganham seus próprios áudios e seguem mais independentes. Nesse sentido, achei bem mais legal que o passeio pelo parlamento, pois a gente faz o nosso tempo. Por exemplo, passei um tempão na galeria de pinturas da coleção real, ouvindo cada áudio e observando mais detalhadamente as minhas preferidas, sem ter que seguir em frente por que o guia mandou. Porém, exatamente por não ser controlado por guias, em determinados momentos, os espaços ficavam bem cheios. Ok! Não chega a ser tumultuado pois, obviamente, por questões de segurança eles devem ter um controle sobre o fluxo que entra e que sai, mas a título de comparação, o tour pelo parlamento é relativamente mais “calmo”.

Esse ano, ainda por conta das celebrações pelo jubileu de diamante da Rainha, também está rolando uma exibição sobre a coroação dela com filmes, fotos e lindas roupas utilizadas na ocasião. Bem legal! Já no fim do passeio, temos acesso ao jardim do castelo, onde você pode aproveitar para tomar um chá ou fazer umas comprinhas na lojinha de souvenir.

Palácio de Buckingham

No jardim do Palácio de Buckingham

Palácio de Buckingham

Foto com a rainha

O passeio pelo Palácio de Buckingham demora de 2h a 2h30min, dependendo do seu ritmo. Agora em setembro, os portões abrem as 9:30h e fecham as 18:00h (mas eles só permitem entrar até as 15:45h, por conta do tempo médio que se leva lá dentro). Para quem estiver em Londres, ainda dá de arriscar uma visitinha ao palácio, mas tem que correr, pois o último dia de visitação é no dia 29/09 (próximo domingo!!).

O palácio abres suas portas durante o verão, geralmente entre agost o setembro, com ingressos ao preço de £23 para adultos. Você pode conferir os horários e datas de funcionamento e valores dos ingressos diretamente no site do Palácio.

Carimbe o seu ingresso

Aqueles pensam em visitar o Palácio de Buckingham mais de uma vez (quem sabe no começo do verão do ano que vem?), fiquem atentos, pois, assim como no palácio de Windsor, dá pra garantir um ano de passe livre, a contar do dia da visita. Basta você comprar seu ingresso diretamente com a Royal Collection Trust (e não via agentes como eu estupidamente fiz!) e, na saída do castelo, procurar um funcionário pra saber onde você pode validar seu ingresso. Se você observar o verso do seu ingresso, vai ver o espaço para preencher e carimbar. Sem o carimbo, o ingresso não pode ser reutilizado.

Palácio de Buckingham

Verso do ingresso

5 comments

  1. Letícia 27 September, 2013 at 11:28 Reply

    Eu fiz esse passeio no meu primeiro verao em londres – 2009. Comprei meu ingresso na hora e realmente nao teve drama nao!!! Essa de carimbar os ingressos tb eh super importante! (alias, carimbar e lembrar onde vc guardou o dito cujo, pois ja cansei de perder esses malditos ingressos carimbados =p)

  2. Karine Porto 27 September, 2013 at 11:43 Reply

    Eu esqueci de carimbar meu ingresso do castelo de Windsor, daí fui toda feliz carimbar o ingresso do palácio de Buckingham, mas fui informada que ingressos comprados via agentes não são válidos!! :'-( Mas lembrar de fazer tudo certinho e perder o ingresso deve ser muito chato mesmo! Hahaha

  3. 10 atrações pagas em Londres que valem o investimento - Blog Brazuka 21 April, 2017 at 17:09 Reply

    […] Todos os anos, a Rainha Elizabeth II abre as portas de sua residência oficial para que o público possa visitar os espaços onde ela recebe autoridades (State Rooms). É uma oportunidade única de conhecer a casa da monarca por dentro e admirar a sua vasta coleção de obras de arte. Infelizmente, só é possível fazer o passeio no verão, entre agosto e setembro, que é quando a Rainha vai passar uma temporada na Escócia, mas, sem dúvidas, este é mais um passeio imperdível que vale cada centavo gasto (veja aqui como foi o meu passeio pelo palácio de Buckingham). […]

Leave a reply

Translate »