Chegando em Turim

Turim – uma cidade repleta de palácios, castelos e museus – transmite em sua arquitetura o ar de nobreza que herdou da sua história. Foi a primeira capital da Itália, entre 1861 e 1864, e, hoje, é a capital e a maior cidade da região de Piemonte ( as regiões são subdivisões da Itália).

Antes de aterrissar o avião em Turim, não deixe de dar uma olhada nos Alpes que coroam o lado oeste da cidade, a paisagem é incrível! E faz jus ao significado do nome Piemonte: “aos pés do monte".

Turim

Turim

Uma vez chegando na cidade, a primeira coisa que você precisa saber é como sair do aeroporto em direção ao centro de Turim. Tem três opções (quando não se tem um carro ou carona): taxi, ônibus e trem. Os bilhetes podem ser comprados no próprio aeroporto, assim que chegar. E, se for utilizar o trem ou o onibus, não esquecer de validar o seu ticket numas das maquininhas amarelas, normalmente ficam na estação/parada (em italiano: ‘stazione’ para trem e ‘fermata’ para ônibus).

Taxi - Logo na entrada, como em todos os aeroportos que já fui, tem uma fila de taxi e essa opção acaba sendo a primeira escolhida pelos os que não conhecem a cidade ( e foi a minha assim que cheguei aqui ) mas é a mais cara.

Ônibus – O ônibus ‘Sadem Torino’ leva do aeroporto caselle ao centro de Torino, passando pelas principais estações da cidade, a Porta Nuova e Porta Susa. Custa 5,50 euros só uma ida e 9,50 ida e volta e funciona de 5:50h as 23:30, e demora uns 40 min , é sempre bom dar uma olhada nos horários pelo site: http://www.sadem.it/it/home.aspx

Trem – Este é o que eu mais gosto, pois é um transporte não comum no Brasil e é o mais barato, custa 2,50 euros só ida. Ele interliga o aeroporto de Turim com a Estação Dora Gtt. funciona das 5:13 as 19:30 e leva só uns 20 min, partindo a cada 30 min. O site com os horários: http://www.gtt.to.it/aeroporto/percorari.shtml

 Turim1

 

Transportes públicos em Turim:

Eles são gerenciados pelo GTT (Gruppo torinese trasporti) que, apesar de os italianos reclamarem do serviço, eu acho muito eficiente comparado com o transporte público brasileiro. Eles constantemente entram em greve, mas mesmo em greve tem alguns ônibus ou trenzinhos elétricos transitando nos horários de pico.

Para o ônibus, trenzinhos e metrô se utiliza o mesmo tipo de bilhete, que custa, para uma corrida, 1,50 euros. Mas tem os bilhetes que valem por 2 dias, 3 dias , uma semana e assim vai, até chegar ao que vale pelo ano inteiro. Então, o melhor bilhete depende de quanto tempo vai ficar por aqui. E tem que validá-los na maquininha que fica dentro dos ônibus/trenzinhos e a ao entrar no metrô. Aqui não existe cobrador, porém de vez em quando aparece os chamados “controllore”, como se fosse os “controladores” que vigiam se todos os passageiros tem tickets validados, caso não tiver, aplicam uma multa 😉 .

Em todas as paradas tem uma placa com os números dos ônibus/trem que tem passagem por ali e também os nomes de todas as paradas que estes transitam. Em algumas ainda tem uma telinha que avisa em tempo real os horários dos ônibus que irão passar, além disso você pode enviar uma mensagem de texto com o numero da parada ( para +393399949990) e receber uma mensagem com os horários que irão passar os próximos ônibus :D.

Turim tem apenas uma linha de metrô que contorna um lado do centro da cidade, as estações são muito bem preservadas, limpas, com elevadores, escadas rolantes (que as vezes não funcionam, mas tudo bem...) e sempre é uma opção eficiente e rápida.

Assim que chegar, uma ótima coisa a se fazer também (isso em qualquer cidade) é procurar o lugar de informações para turistas (sempre tem) e pegar o mapa da cidade. Aqui tem uns blocos de vidros nas principais estações que te oferecem o mapa com as sinalizações de onde pegar ônibus/trem e as entradas dos metrôs. Com este mapa em mão você consegue se localizar em qualquer lugar e chegar a todos.

Nas próximas vezes já inicio a falar sobre os pontos turísticos e particularidades de Turim 😉 .

Até mais!

Andressa

 

2 comments

  1. Flávio Goulart 21 March, 2017 at 23:47 Reply

    Andressa, muito boas as informações. Obrigado por compartilhar. Eu chegarei a Turin dia 11 de abril as 15:30 somente para ir ao jogo no Juventus Stadium. O jogo deve acabar as 23:00. Qual é a maneira que você recomenda para eu ir do aeroporto ao estádio e voltar ao aeroporto depois do jogo? Pego o voo de volta no dia 12 as 6:50.

    • karineporto 5 April, 2017 at 22:27 Reply

      Oi Flávio! Desculpa a demora em responder. A Andressa não escreve mais aqui, mas vou tentar falar com ela pra te dar essa dica, tá? Espero que dê tempo! 🙂

Leave a reply

Translate »