O que fazer no St. James’s Park e arredores

O St. James’s Park é o parque real mais antigo de Londres. Localizado no meio do burburinho turístico londrino, esse parque gracinha fica super perto de atrações e monumentos importantes como o Palácio de Buckingham, The Mall, Horse Guards Parade e Trafalgar Square.

St. James's Park

É, sem dúvidas, uma das principais atrações turísticas da cidade e um passeio imperdível para quem quer apreciar um pouco da variedade da fauna e flora, ou quer fazer uma pausa depois de um “dia de turista” no centro de Londres. Além disso, o parque também é um bom destino para quem busca uma dose da realeza, pois suas imediações, frequentemente, recebem eventos reais como a parada anual pelo aniversário oficial da rainha, o Trooping the Colour, e outros cortejos e celebrações.

O que fazer no St. James’s Park

Confira abaixo a minha seleção com 8 atividades e atrações para curtir no St. James’s Park e arredores:

1. Aproveite a natureza

O St. James’s Park reúne uma vasta variedade de espécies animais e tem uma flora encantadora em qualquer época do ano. Pessoalmente, prefiro o visual do outono (quando as folhagens alaranjadas dão um ar romântico e bucólico ao parque) e da primavera (quando os jardins estão tomados de flores de cores vibrantes). Porém, recomendo a visita em qualquer tempo, inclusive no inverno!

Passeie na beira no lago e se surpreenda com a quantidade e diversidade de aves que vivem ali. Aproveite e faça amizade com os esquilinhos que adoram receber comida dos turistas que passam por lá.

St. James's Park fauna

O que fazer no St. James's Park animais

Faça também uma caminhada despretensiosa pelas trilhas e, se vier na primavera, não deixe de checar (e fotografar bastante) os jardins floridos!

O que fazer no St. James's Park jardins

2. Descanse na grama ou nas espreguiçadeiras

Carregue sempre uma manta ou canga na bolsa, pois, se o tempo ajudar, vale muito a pena tirar uma horinha para relaxar deitado na grama, seja ouvindo música, lendo um livro ou simplesmente observando o movimento. Se preferir, também é possível alugar uma cadeira do tipo espreguiçadeira. Exatamente, alugar! Apesar de as cadeiras estarem lá disponíveis, elas não são de graça e assim que você sentar alguém virá cobrar.

O que fazer no St. James's Park cadeiras

As cadeiras ficam disponíveis durante o dia entre os meses de março e outubro (ninguém se arrisca a sentar no parque no inverno, né!) e o aluguel custa a partir de £1.60. Para mais detalhes sobre os valores e para reservar online, confira o site da empresa administradora das cadeiras: Park Deck Chairs.

3. Faça uma boquinha no parque

O St. James’s Café | Benugo é o restaurante localizado dentro do parque. Eles oferecem um cardápio com clássicos britânicos para o café da manhã e um bar de saladas e sanduíches para o almoço. É uma opção para quem que aproveitar o dia no parque, mas prefere contar com a comodidade e estrutura de um restaurante. Para quem preferir uma experiência mais despojada, basta comprar uns quitutes nos cafés e mercados das redondezas e fazer um piquenique no seu cantinho preferido do parque. Também é possível comprar refrescos e guloseimas nos quiosques espalhados pelo parque.

O que fazer no St. James's Park restaurante

4. Explore os arredores do Horse Guards Parade

A Horse Guards Parade é uma área para cerimônias e desfiles oficiais bem no começo do St. James’s Park (a esquerda do The Mall, pouco depois do Admiralty Arch). Aproveite para fotografar o prédio do Horse Guards, que é considerado a entrada oficial do parque e do palácio de Buckingham, e explorar os monumentos militares espalhados pelo pátio.

O que fazer no St. James's Park Horse Guards Parade

Curiosidade: Sabia que durante as Olimpíadas de 2012 o Horse Guards Parade abrigou a arena de vôlei de praia?

5. Encante-se com o Admiralty Arch

Sabe aqueles arcos lindos separando o The Mall (rua que dá acesso ao palácio de Buckingham) e a Trafalgar Square? Pois bem, aquele é o Admiralty Arch que foi projetado por Sir Aston Webb atendendo ao pedido do Rei Eduardo VII que queria homenagear a morte da Rainha Victoria. Finalizado em 1912, o arco exibe no topo uma inscrição em latim que significa: No décimo ano do Rei Eduardo VII, para a Rainha Victoria, dos cidadãos mais gratos, 1910. Para além de sua beleza arquitetônica, o prédio é perfeitamente funcional e já abrigou departamentos do governo. Foi vendido em 2012 e, no futuro, deve abrigar um hotel luxuoso com vista para a casa da rainha (Palácio de Buckingham).

O que fazer no St. James's Park Admiralty Arch

Curiosidade: Na parede interna do arco mais ao norte do Admiralty Arch tem uma protrusão em forma de nariz humano. Isso mesmo! Não se sabe ao certo o motivo de tal “escultura”, mas acredita-se que é uma homenagem ao Duque de Wellington, que ficou conhecido por ter um nariz avantajado. E ao que parece, sempre que os soldados passavam pelo arco, tocavam no nariz esculpido para ter boa sorte!

6. Caminhe pelo The Mall até o palácio de Buckingham

O The Mall é aquela rua em frente ao palácio de Buckingham, que em ocasiões especiais fica toda enfeitada com bandeiras britânicas. É uma via muito icônica e já foi palco de vários cortejos reais, incluindo de coroações e casamentos reais (não deixe de ler meus relatos sobre o casamento do Príncipe William & Kate Middleton e as celebrações do Jubileu de Diamante da Rainha Elizabeth II).

O que fazer no St. James's Park The Mall

É uma caminhada bem legal e oferece uma vista super “fotogênica” do palácio. Só tome cuidado para não se distrair fotografando, pois o The Mall é uma via comum aberta ao tráfego de carros, bicicletas, cavalos reais e afins.

7. Admire a casa da rainha: Palácio de Buckingham

Depois de caminhar ao longo da The Mall você chegará à residência oficial da rainha Elizabeth II: o palácio de Buckingham. Para mim, é uma visita obrigatória para quem vem a Londres pela primeira vez (nem que seja rápida!).

Caso esteja em Londres durante o verão, aproveite que nesse período a rainha abre as portas do palácio para que o público possa visitar os espaços onde ela recebe autoridades (leia aqui como foi a minha visita ao palácio de Buckingham). Se você não tiver a sorte de estar na cidade entre agosto e setembro, que é quando o palácio abre para visitações as salas oficiais, tente pelo menos conhecer a The Queens Gallery que abre entre os meses de outubro e abril. Garanta aqui seu ingresso para a galeria sem fila.

O que fazer no St. James's Park Palácio

Aproveite a sua visita e observe o memorial à Rainha Victoria, que é composto por aquele monumento imponente bem em frente à entrada do palácio, os portões Dominion (Canada Gate, Australia Gate and South and West Africa Gates) e os jardins do memorial. Vale a pena conferir!

8. Assista a um evento da guarda real

A troca da guarda – cerimônia de troca de turnos dos soldados da guarda real que têm a honra e responsabilidade de proteger os palácios de Buckingham e de St James – é um dos eventos mais populares entre os turistas e é, também, uma daquelas atrações que dividem opiniões. De um lado fica a turma que acha o máximo e do outro a galera que chama de programa de índio.

Pessoalmente, eu acho o programinha muito interessante para quem vem passear por Londres. Sim, é lotado e a maior parte da multidão consegue ver bem pouco da cerimônia de troca em si. Porém, ainda acho que vale a pena fazer uma forcinha pra ver os soldadinhos de chumbo da rainha em ação.

A maioria das pessoas acaba se aglomerando na frente do palácio de Buckingham, mas, na verdade, a cerimônia se divide por três locais: Palácio de Buckingham, Palácio de St. James e Wellington Barracks (ou seja, caso não consiga se aproximar do palácio, tente um cantinho ao longo da rota do desfile). Se for chegar cedo, tente ficar nas imediações do portão principal para ver um pouco da cerimônia que acontece no pátio do palácio e também conseguir ver as tropas entrando e saindo do palácio.

Para quem tiver a sorte de visitar Londres em junho, aproveite e tente ver a procissão especial pelo aniversário oficial da rainha, a Trooping the Colour que acontece na The Horse Guard Parade todos os anos no mês de junho (quando acontecem as celebrações oficias pelo aniversário da monarca – que na verdade é em abril). A Trooping the Colour é o dia em que a própria rainha inspeciona as tropas da Household Division que é a divisão responsável pela segurança de vossa majestade. Após a inspeção, a rainha conduz as tropas pela The Mall e, depois, faz a sua tradicional aparição na sacada do palácio de Buckingham. Em 2017, o Trooping the Colour acontece no dia 17 de junho, mas quem for estar pela cidade antes, pode também assistir aos ensaios que acontecem nas duas semanas que antecedem a parada.

St. James's Park Trooping the Colour

Foto: www.royal.uk

Outro evento da guarda é o The Household Division’s Beating Retreat, que é uma noite de concerto musical e exibição militar, including cavalos, canhões e fogos-de-artifício. O Beating Retreat acontece também no Horse Guards Parade, sempre nas noites de quarta-feira e quinta-feira que antecedem o “Trooping The Colour”.

St. James’s Park

  • O Saint James’s Park fica aberto diariamente de 5h00 a 00h00.
  • A estação de metrô mais próxima é a estação St. James’s Park (District and Circle Line)

 

Share